Guia Para Fazer Testes A/B

Guia Para Fazer Testes A/B

Não existem garantias na internet e a melhor forma de ser bem sucedido é testando as ações em seu site. Para isso nada melhor do que os chamados testes A/B, que avaliam a interação de seus visitantes enquanto navegam. Seu site é um investimento e pode estar deixando de ganhar dinheiro por motivos simples e que poderiam ser facilmente melhorados. E realizando testes consegue visualizar detalhes que não são detectados em relatórios comuns.

Confira abaixo o que é um teste A/B e como ele pode aumentar a conversão em suas páginas.

O Que é Um Teste A/B

No teste A/B ou teste multivariável é testado elementos de uma página ou a página inteira com o objetivo de saber qual versão tem melhor desempenho em termos de conversão. Para fazer o teste é preciso criar duas ou mais variações daquilo que deseja testar. Depois é utilizado um software ou ferramenta que irá exibir na mesma proporção entre todos os visitantes cada uma das variações. No final é gerado um gerado um relatório mostrando qual opção teve o melhor desempenho.

Todo o blog ou site depende de algum tipo de conversão. Pode ser o uso de um formulário, a navegação por algum menu, clique em algum botão, enfim, sempre existe a necessidade de seus visitantes praticarem alguma ação em suas páginas. E para saber o desempenho nada melhor do que testar os principais elementos envolvidos nas ações. Em resumo, os testes A/B servem principalmente para conhecer sua audiência e o que eles desejam quando estão navegando em seu site.

Porque Fazer Testes A/B

Os testes A/B servem principalmente para complementar os seus relatórios de visitas. Se no Google Analytics consegue visualizar a taxa de rejeição, a porcentagem de pessoas que abandonam seu site, qual página tem sido a que menos converte, etc.; fazendo um teste multivariável pode descobrir os motivos ou explicação para os seus números. Com isto pode fazer melhorias de acordo com a intenção do seu público. O que fará que com que as conversões e o seu desempenho melhore.

O interessante do teste A/B é que uma simples cor em um botão de ação, o posicionamento de um formulário e até mesmo um título podem fazer toda diferença quando pensa em conversão. E uma vez que tem uma real noção poderá direcionar suas ações para obter mais conversões.

Guia Para Fazer Testes A/B

Os elementos mais testados são:

Títulos: podem ser positivos ou negativos, atrativos ou práticos, fáceis ou simples, sendo o principal objetivo estimular a ação do visitante.

Cores: pode ser do botão com CTA (Call To Action), do menu, da página, do título, etc.

Formulários: ordem dos campos, quantidade de opções para preencher, cor do botão de envio, cores dos elementos, etc.

Imagens ou Vídeos: localização na página ou interação com os visitantes. Por exemplo, pode testar imagens com uma pessoa em diversos sentimentos (séria, alegre, triste, etc.).

Chamadas ou Descrições: geralmente testados em botões e textos com CTA, que pode ser mais agressivo nas suas chamadas (compre agora!) ou então mais sutil.

Autoridade ou Segurança: selos de compra segura, testemunhos, certificados conquistados, privacidade, etc.

Navegação: posição do menu, ordem das páginas ou links, descrições, botões e cores.

Elementos de Comércio Eletrônico: botões adicionar ao carrinho ou continuar comprando, versões da página de checkout, avaliações de produtos, descrição e disponibilidade, preço e frete, opções de pagamento.

Ferramentas Para Teste A/B

Existem diversas ferramentas para realizar testes A/B que oferecem a opção de teste ou trial, onde pode utilizar por algum tempo com algumas limitações. Mas indicamos seguir as seguintes etapas:

  1. Utilize uma ferramenta gratuita e que não irá necessitar de muito trabalho para configurar. A primeira opção é o Google Analytics Content Experiments, que é uma interface das experiências de conteúdo. Vale a pena aprender um pouco sobre o uso e como visualizar os dados.
  2. Com o histórico da primeira etapa procure uma consultoria em marketing digital para realizar os testes. Isto é interessante, pois já tem uma noção maior de como funciona e do que precisa. E uma consultoria fará um trabalho mais profissional.
  3. Se estiver acreditando que os testes são importantes e que devem ser uma rotina dentro da manutenção de seu site pode considerar fazer os testes internamente utilizando uma das ferramentas disponíveis e sua equipe de marketing.

Como Preparar Seus Testes A/B

É interessante seguir algumas dicas no momento de preparar os seus testes A/B.

Faça Teste Nos Elementos Certos

É necessário saber quais são os elementos certos para testar. Então escolher uma página que possui muitos acessos e tem um potencial maior é uma ótima opção para começar, pois o número de visitantes e conversões é fundamental para o teste.

Simule Uma Ação Previamente

Peça alguém que não conhece o projeto para realizar a ação que deseja testar em seu site e depois analise como foi a sua interação durante a navegação e se houve alguma dificuldade para realizar a tarefa desejada.

Estipule o Prazo Ideal

Nem alguns dias, nem uma eternidade. Dificilmente um teste tem necessidade maior do que 30 dias. De acordo com o volume de visitas defina a data final para seu teste.

Utilize no Máximo 4 Amostras

Por mais que tenha uma grande quantidade de visitas, é interessante não passar de 4 opções (contando a controle ou original) para poder analisar mais facilmente seus relatórios. Se acreditar que precisa mais do que isso, divida os testes em duas ou mais opções.

Versões de Teste A/B

Diferencie ao Máximo

É preciso realizar variações mais completas nos seus testes A/B. Por exemplo, ao invés de tons de uma mesma cor, teste várias cores; ao invés de uma acentuação, teste variações de palavras. Pode acontecer de pequenas alterações fazerem alguma diferença, mas na prática as chances são bem pequenas e o resultado do teste A/B acaba sendo inconclusivo. Portanto, desenvolva testes A/B com boas variações entre as opções testadas.

Invista em Tráfego

Recebemos visitas de pessoas que caíram de paraquedas em nosso site. E a ação desta pessoa que está ali por acaso pode não ser a melhor ou a ideal, por assim dizer. Se souber qual o tipo exato de pessoa que você gostaria que visitasse sua página, faça uma campanha direcionada para o público que deseja. Claro que dependerá da qualidade da campanha, mas é certo que conseguirá resultados mais seguros ou com maior garantia de estarem certos.

Analisando os Resultados

Esta é a parte mais fácil dos testes A/B, pois as ferramentas realizam todo o trabalho de fazer o teste rodar e gerar os relatórios. E se preparou bem os elementos e tem um site de qualidade só irá precisar de alguns minutos para chegar à conclusão. Daí basta investir naquilo que ficou decidido como a melhor opção.

Indicamos que utilize poucas amostras, mas mesmo assim pode ser que o resultado não seja conclusivo ou então pode acontecer um empate técnico. Nestes casos, recomendamos que realize um novo teste A/B. Porém, é fundamental que leve em consideração e interprete os resultados do primeiro teste, para que consiga realizar um teste com maior qualidade.

Nunca é demais lembrar que algo que funcionou muito bem durante um período pode não funcionar nos próximos. Então inclua entre as suas incumbências a tarefa de realizar testes A/B periodicamente.

E você, já realiza testes A/B em seus projetos? Fale um pouco da sua experiência e compartilhe com outros gestores sobre o aprendizado conquistado em seus testes. Continue no Social Ninja para outros conteúdos sobre Marketing Digital.

Avaliação: 5.0/5. De 1 avaliação.
Aguarde...

Talvez Você Goste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *